conteúdo do menu

Câmara Municipal de Paraiso

conteúdo principal
conteúdo principal

Notícia

Em sessão nesta terça-feira, 8 de outubro, a Câmara de Vereadores de Paraíso, com todos seus parlamentares presentes, discutiu projetos com amplos interesses da comunidade, seja local, do Estado e do País.

Em um dos casos, o vereador, Professor Deley, questionou a presidência da República, em relação ao pequeno prazo dado para que os estudantes do terceiro ano do segundo grau fizessem suas inscrições no ENEM. Segundo o vereador, muitos alunos não conseguiram fazer a inscrição e ficarão de fora do Exame este ano.

Para resolver a situação, Professor Deley está propondo que o Governo Federal, através do Ministério da Educação, faça automaticamente a inscrição de todos os estudantes do terceiro ano do segundo grau automaticamente no ENEM. Para isso, ele pretende recorrer aos representantes do Tocantins em Brasília e onde mais for necessário. “Somente assim poderemos evitar essa injustiça com os alunos” disse, ainda propondo a instalação de sinalização no trecho entre os setores Milena e Jardim Paulista 2 que dá saída para Monte Santo, e climatização das escolas estaduais.

Já a vereadora, José Araújo, discorreu sobre sua viagem à Brasília no final de semana, onde participou da Convenção do MDB. De acordo com a Vereadora, o Evento serviu para mostrar a importância da mulher à frente de cargos públicos. Ainda segundo ela, uma mulher não pode ser adversária da outra mulher. Josefa ainda acredita que, ano que vem, o País terá um avanço muito grande com o número de mulheres que assumirão comandos de prefeitura e cargos no legislativo de todo o País.

Adriano Moraes ressaltou a importância da campanha Outubro Rosa, contra o câncer de mama e o aniversário de Paraíso que acontece no próximo dia 23. De acordo com Adriano, nesses últimos 6 anos, o País passou por uma grande crise, mas a cidade de Paraíso teria tido crescimento com inaugurações de várias obras e várias outras concluídas e em andamento. Ele também lembrou que acredita no Governo Bolsonaro, “apesar de haver uma conspiração para que o Brasil seja jogado no lamaçal” disse. Adriano citou mídias nacionais como Globo, IstoÉ, Folha de São Paulo, Estadão. “Bolsonaro é conservador defende a igreja e defende a família” destacou.

Por sua vez, o vereador, Whisllan Maciel relatou as conquista do município de Paraíso desde o ano de sua emancipação, em 1963, até agora. O Parlamentar citou todas as obras realizadas pelos governos de Goiás e Tocantins neste período e criticou o fato de, ultimamente, as ações do Estado no município são pequenas e algumas obras ainda estão paralisadas. Ele citou a Escola de Tempo Integral, Canalização do Córrego Pernada entre outras obras.

O vereador JC, lembrou a reclamação da sociedade paraisense em relação ao excesso de sonorização que hoje acontece na cidade de Paraíso do Tocantins. Ele citou bares e carros de som. Um dos exemplos, segundo o vereador, acontece em um bar no Setor Jardim Paulista, próximo ao Posto Tocantins. JC cobrou que a Polícia Militar e o Conselho Tutelar investiguem a presença de menores nesses locais.

 

GALERIA DE FOTOS